Por que uma emoção forte pode provocar um infarto?

Quando se trata de emoção, o coração, como fica? Conheça os sentimentos que podem afetar diretamente a saúde do órgão

Quando uma pessoa sente uma forte emoção como um susto, por exemplo, as glândulas adrenais (localizadas na parte superior dos rins) liberam adrenalina. Ela entra na corrente sangüínea e prepara o organismo para enfrentar a situação. No coração, provoca o aumento dos batimentos cardíacos e estreitamento dos vasos sanguíneos, isso pode ocasionar o infarto.

Em pessoas muito estressadas, com doenças cardíacas preexistentes ou pessoas com problemas relacionados ao coração, como obesos, diabéticos e hipertensos, existe a possibilidade de infarto estar relacionado a fortes emoções. 

O estresse, considerado uma forte emoção é causado através da liberação de adrenalina no corpo, isso faz com que os vasos se contraiam, enquanto a pressão arterial e a frequência cardíaca aumentam e isso pode levar a um infarto.

Ao pensar nos riscos de um infarto, das doenças do coração, na maioria das vezes as pessoas relacionam ao excesso de gordura, sedentarismo, fumo, hipertensão, diabetes, colesterol alto, enfim, as causa mais comuns e largamente divulgadas. Todos os indivíduos deveriam estar atentos a essas emoções que afetam a saúde física e emocional do coração. 

Veja alguns sentimentos que podem ser prejudiciais ao coração

O risco de infarto pode aumentar através de um sentimento sentido em algum momento da vida por todas as pessoas, a RAIVA. Esse sentimento ativa dentro do organismo, a adrenalina e outros hormônios ligados ao estresse. Isso pode ocasionar o aumento da frequência cardíaca, facilitando o risco de doenças cardiovasculares, como os infartos (ataque cardíaco) e derrames. 

A raiva também pode desencadear outros problemas relacionados à saúde do corpo humano, causando o aumento de ácido no estômago e mais tarde levar a uma gastrite ou refluxo. 

Pesquisas apontam que a raiva pode causar perda na capacidade de auto observação e monitoramento, perdendo o controle de avaliar suas ações diante do sentimento. 

Outro sentimento que pode afetar a saúde do coração é a CULPA, podendo ser atrelada a outro problema muito presente na vida das pessoas, a depressão. A depressão é uma doença psiquiátrica que afeta a saúde mental das pessoas por meio de uma tristeza profunda, baixa autoestima, pensamentos suicidas e perda de interesse em atividades rotineiras. 

Essa doença pode ocorrer em qualquer pessoa, em casos mais graves a depressão pode desencadear outros tipos de doenças, como a baixa imunidade, ocasionando infecções e problemas inflamatórios, além de problemas cardiovasculares. 

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), no Brasil 11,5 milhões de pessoas já foram diagnosticadas com a doença. A depressão pode ser leve, moderada ou grave. Em pessoas predispostas geneticamente, é comum que o estresse, tristeza, angústia, insônia, medo, falta de apetite e pessimismo aumente o episódio depressivo. 

O sentimento de culpa pode estar associado ao aumento dos hormônios cortisol que causa a diminuição da imunidade afetando a vida do indivíduo tanto fisicamente como psicologicamente. 

A GANÂNCIA é outro sentimento que está relacionado ao aparecimento de doenças como a hipertensão arterial, diabetes, obesidade (excesso de peso), e doenças cardiovasculares, baixa imunidade, irritabilidade, dores no peito, tristeza e esgotamento mental.

O ganancioso tem problemas para gerenciar o tempo, não conseguindo dormir direito durante a noite, não praticar atividades físicas, não ter tempo para passear com a família ou amigos, não descansar, e não fazer as refeições nas horas certas. Todas essas mudanças no estilo de vida pode ocasionar sérios problemas para a saúde do coração. 

Para a saúde do coração é necessário aprender a viver com todos os tipos de emoções, principalmente em tempos caóticos e estressantes. Parece ser quase impossível ficar em paz e pleno bem-estar ao buscar o equilíbrio e encontrar a harmonia sem que o desgaste do dia-a-dia afete o coração. Mas o médico cardiologista recomenda que é preciso manter a cabeça no lugar, cuidar do corpo por meio de um estilo de vida saudável, com uma boa alimentação, praticando exercícios físicos e  dormindo adequadamente.

Como encontrar um cardiologista em Manaus

Se você ainda não encontrou um cardiologista para cuidar da saúde do seu coração, o ipok pode ajudar, a plataforma conta com profissionais cardiologistas em Manaus disponíveis para a sua necessidade. 

Baixando o aplicativo ipok você pode marcar sua consulta através do celular, no tempo e horário que você deseja e ainda parcelar em até 6x no cartão de crédito. A plataforma chegou para facilitar a sua vida aliada a tecnologia.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *